vitor casemiro, sem título, campinas, 2018. © vitor casemiro

CARNAL

carnaval, a festa da carne. para alguns, pode parecer o caos. para o prefeito do rio de janeiro, o pecado. para nós, no entanto, o prazer.

hoje, e aqui, o caos existe em meio ao caos. não poderíamos compreender o brasil sem compreender o carnaval. e, como sabemos, não existe ato com maior poder do que compreender o próprio corpo. compreender a si é compreender a cidade: o organismo em que discutimos, dividimos, debatemos, sentimos, sofremos e claro, sobrevivemos. ao ocupar as avenidas com cores, cantos e tudo o que o carnaval merece, ocupamos a nós mesmos com compreensão.

celebraremos o ocupar, o prazer, o pecar, o protestar.

com vocês, uma coletânea carnal por arthur oliveira, bruno machado, gabriela machado, guilherme machado, jéssica senra, juliana rocha, luara calvi anic, marcus renault, mariana bernardes e vitor casemiro.

arthur oliveira, sem título, rio de janeiro, 2018. © arthur oliveira / recorttt

‍vitor casemiro, sem título, campinas, 2018. © vitor casemiro

bruno machado, sem título, rio de janeiro, 2018. © bruno machado / o álbum

arthur oliveira, sem título, rio de janeiro, 2018. © arthur oliveira / recorttt

mariana bernardes, sem título, rio de janeiro, 2018. © mariana bernardes / resultados desastrosos

gabriela machado, sem título, rio de janeiro, 2018. © gabriela machado

jéssica senra, sem título, rio de janeiro, 2018. © jéssica senra / ser púrpura

guilherme machado, sem título, rio de janeiro, 2018. © guilherme machado

guilherme machado, sem título, rio de janeiro, 2018. © guilherme machado

marcus renault, sem título, rio de janeiro, 2018. © marcus renault

mariana bernardes, sem título, rio de janeiro, 2018. © mariana bernardes / resultados desastrosos

‍jéssica senra, sem título, rio de janeiro, 2018. © jéssica senra / ser púrpura

vitor casemiro, sem título, campinas, 2018. © vitor casemiro

‍marcus renault, sem título, rio de janeiro, 2018. © marcus renault

‍guilherme machado, sem título, rio de janeiro, 2018. © guilherme machado

gabriela machado, sem título, rio de janeiro, 2018. © gabriela machado / afônicos

arthur oliveira, sem título, rio de janeiro, 2018. © arthur oliveira / recorttt

luara calvi anic, sem título, rio de janeiro, 2018. © luara calvi anic

‍luara calvi anic, sem título, rio de janeiro, 2018. © luara calvi anic

‍vitor casemiro, sem título, campinas, 2018. © vitor casemiro

‍luara calvi anic, sem título, rio de janeiro, 2018. © luara calvi anic

bruno machado, sem título, rio de janeiro, 2018. © bruno machado / o álbum

‍jéssica senra, sem título, rio de janeiro, 2018. © jéssica senra / ser púrpura

arthur oliveira, sem título, rio de janeiro, 2018. © arthur oliveira / recorttt

‍mariana bernardes, sem título, rio de janeiro, 2018. © mariana bernardes / resultados desastrosos

‍marcus renault, sem título, rio de janeiro, 2018. © marcus renault

jéssica senra, sem título, rio de janeiro, 2018. © jéssica senra / ser púrpura

luara calvi anic, sem título, rio de janeiro, 2018. © luara calvi anic

‍bruno machado, sem título, rio de janeiro, 2018. © bruno machado / o álbum

‍‍marcus renault, sem título, rio de janeiro, 2018. © marcus renault

guilherme machado, sem título, rio de janeiro, 2018. © guilherme machado

gabriela machado, sem título, rio de janeiro, 2018. © gabriela machado / afônicos

mariana bernardes, sem título, rio de janeiro, 2018. © mariana bernardes / resultados desastrosos

‍marcus renault, sem título, rio de janeiro, 2018. © marcus renault

arthur oliveira, sem título, rio de janeiro, 2018. © arthur oliveira / recorttt

‍‍jéssica senra, sem título, rio de janeiro, 2018. © jéssica senra / ser púrpura

‍vitor casemiro, sem título, campinas, 2018. © vitor casemiro

juliana rocha, sem título, rio de janeiro, 2018. © juliana rocha / o álbum

gabriela machado, sem título, rio de janeiro, 2018. © gabriela machado / afônicos

‍vitor casemiro, sem título, campinas, 2018. © vitor casemiro

gabriela machado, sem título, rio de janeiro, 2018. © gabriela machado / afônicos

mariana bernardes, sem título, rio de janeiro, 2018. © mariana bernardes / resultados desastrosos

autor

O Álbum

uma ode ao slow photography   

Publicações relacionadas

CARNAL

celebraremos o ocupar, o prazer, o pecar, o protestar. com vocês, uma coletânea carnal.

MINAS ANALÓGICAS

júlia brummer, radka smolíková, tuane eggers e a sororidade das minas analógicas.

A ERA PROVOKE

em um contexto de ebulição social, a provoke indagou a função do fotografia e promoveu um boom que ecoa no suporte até hoje.

MAPA ANALÓGICO DO RIO DE JANEIRO

um mapa para desvendar os tesouros analógicos do rio de janeiro.

KODAK TRI-X 400

caso esta pérola - envolta em metal - não existisse, a fotografia, como a conhecemos, não existiria.